Os dias demoram a passar e os meses voam

Tenho andado reflexiva com essa frase que não me sai da cabeça, os dias (tem dias) que demoram demais pra passar, dias que parecem ter 48 horas, dias que chega natal mas não chega 20:00 e em compensação os meses, meu deus como eles voam, foi ontem que nascia meu bebezinho e que o mais velho tinha medo de liquidificador.


O tempo é um treco doido não é mesmo, como pode a percepção do tempo mudar tanto. Sempre ouvia que o tempo passa rápido e devemos aproveitar cada segundo, isso eu morro de orgulho de saber que estou aproveitando e curtindo cada segundo das fases que eles passam, que mesmo o tempo passando rápido ou devagar, eu não me arrependo de nada. Eu sei que naquele dia fiz o meu melhor e curti meus meninos o máximo que pude.


Hoje em dia, eu também entendi que preciso me curtir pra então estar conectada com eles e isso agora eu me permito fazer, parei de me anular, hoje eu me permito sair, respirar pra sempre voltar a minha melhor versão.


E os dias vão continuar passando e eu vou continuar aproveitando, mesmo os que demoram 48 horas. Pra que, daqui uns anos, quando eu olhar pra trás eu tenha sim saudade dos anos que passaram rápido mas que eu também tenha a plenitude de saber que eu os aproveitei devidamente.




  • Instagram
  • Facebook ícone social

© Copyright – 2018 Materhood.     Todos os direitos reservados.