Relato de parto - Arthur -parto natural


Ele chegou no dia que escolheu, que era o mais importante pra mamãe e da maneira que escolheu.


Até semana passada eu tinha certeza que iria pra cesária, pois gostaria de tirar a cicatriz que ficou do parto do Nico e formou queloide. Mas aí comecei a pensar, porque não um parto normal, tenho tendência absurda pra queloide e trocar a cicatriz não significa que ia resolver o problema.


Arthur estava encaixado e forçando bem o quadril já há algum tempo, conversei com a pediatra e com o obstetra e optei por esperar ver como evoluía, se eu entrasse em trabalho de parto.


E assim aconteceu, dia 30/06/2020, com 37 semanas e 3 dias, saiu o tampão as 6:00 da manhã, em seguida comecei a sentir contrações suaves. 7:20 cheguei no hospital pra fazer um cardiotoco e ver como estava os batimentos do bebê e as contrações.

9:30 estava com um dedo de dilatação e muiiiiita contração, achei que não ia aguentar esperar o processo todo. Perto das 10:00 pedi pro meu médico me levar pra cesária e me dar anestesia.


Após pedir para meu médico a cesária, Subi pro centro cirúrgico e estava aguardando a sala para cesária, aqui as contrações estavam absurdas e não tinha intervalo entre elas, parecia que nunca passavam.

Estourou a bolsa e em seguida comecei a sentir uma vontade incontrolável de fazer força.


Me levaram pra sala do centro cirúrgico e quando cheguei, meu médico examinou e falou que ia nascer normal do jeito que eu queria! Que ele já tava chegando.

Não deu tempo nem de tomar anestesia!


Foi o tempo de passar pra outra maca, à vontade de fazer força é absurda, a dor também é, o grito é incontrolável. Comecei a fazer força e nosso pacotinho chegou, após 3 empurradas! Sem anestesia, sem intervenções. Super ultra mega rápido! Nasceu as 10:24, com 2.895kg e 49cm.


Tivemos uma golden hour incrível, ele nasceu e foi colocado direto nos meus braços, ficou lá um tempão e mamou colostro em seguida.


Foi lindo, foi intenso, foi indescritível.

Não planejei, não me preparei, mas quando é pra ser tudo flui! E fluiu, da maneira mais natural que poderia ser.

Agradeço demais ao meu obstetra e a nossa pediatra, vocês acreditaram em mim e me deram forças quando eu não acreditei. A equipe toda de enfermagem do hospital São Paulo que não tinha como ser melhor, me apoiaram, acalmaram, correram pra buscar meu marido, vibraram e estiveram comigo em cada segundo. Obrigada, mil vezes obrigada ♥️


Seja bem vindo pacotinho Arthur, você chegou arrasando hein!





#relatodeparto#partonatural#pacotinhoarthur#materhood#partonormalaposcesarea

mamâe e bebê

Sou a mãe do Nicolas, não tem nada que me descreva melhor do que isso. Sou também fisioterapeuta, especialista em neurologia e instrutora de pilates.

Hoje em dia sou mãe em período integral, tenho ele comigo 24 horas por dia, ele me acompanha em todas as minhas outras funções, que são administrar um estúdio de pilates, o Studio KaPri e ser fisioterapeuta, minha outra grande paixão. 

© Copyright – 2018 Materhood.     Todos os direitos reservados.